Buscar
  • construcorreformas

Drywall: um material incrível para a sua reforma


Cada vez mais pessoas querem mudar a casa sem grandes obras e principalmente sem grandes gastos. Quando o assunto envolve as paredes, tetos e estruturas tem um material que é perfeito para atender a dupla "custo x beneficio": o drywall! Certamente você já ouviu falar deste material fantástico e hoje a CONSTRUCOR vai te mostrar mais sobre o drywall e como este material pode ser usado na sua obra.

Você sabe o que é o drywall?

Esta maravilha tecnológica é formada por uma estrutura de aço onde chapas, com miolo de gesso e face de papel cartão, são fixadas para acabamento. São diferentes tipos de chapas, de diferentes espessuras e finalidades, podendo-se criar várias formas, recortes, desníveis, etc. Seus componentes são leves e recicláveis e no fim da obra seu descarte é de somente 5%, apesar de ser gesso ele pode receber enchimento de lã mineral e ter um melhor isolamento acústico e térmico que as paredes de alvenaria.

Diferentes modelos

Existem três tipos de chapas de drywall, são elas:

  • Verde (RU): recomenda para as áreas molhadas, ela é perfeita para banheiro, cozinha e lavanderia, ela vem com silicone e aditivos fungicidas misturados ao gesso.

  • Rosa (RF): especialmente feito para áreas quentes como lareiras e cooktop por causa da presença de fibra de vidro na fórmula, o que o torna mais resistente ao fogo.

  • Branco (ST): esse é o mais comum deles, normalmente usado para ambientes secos, forros, estantes, etc.

Um material resistente

O drywall é um material resistente mas não poder ser comparado com uma parede de alvenaria, portanto durante o projeto é importante especificar todo e qualquer peso que exceda 10kg, para que sejam feitas instalações especiais para suportar pesos. Pesos até 10kg podem ser instalados diretamente na chapa de drywall, até 18kg pode-se instalar diretamente nos perfis e acime de 30kg é preciso distribuir a carga na estrutura interna, criando reforços.

No banheiro

Por ser um material feito de gesso é normal se perguntar se ele resiste à umidade do banheiro e a resposta é sim, basta usar a placa desenvolvida para áreas úmidas. Uma bancada pode ser feita em drywall, receber impermeabilização e acabamento em pastilha, por exemplo, mas tem de ser feita por um profissional habilitado. No teto é extremamente comum o acabamento em drywall, com sancas iluminadas e também a parede pode ser feita com esse material e depois receber revestimentos.

Sancas Incríveis

Aqui está uma área divertida para se criar com drywall: sancas, rebaixos e desenhos nos tetos, uma vez que ela te possibilita muitos formatos, é moldável e isso dá liberdade para criar projetos incríveis.

Paredes Vivas

As paredes não são diferentes das sancas, além de poder criar qualquer movimento e forma, também é possível fazer rasgos de luzes maravilhosos - que seriam complicadíssimos, ou até impossíveis, na alvenaria. Tem a enorme vantagem de ocupar menos espaço e ainda a grande facilidade para passar toda fiação elétrica da casa.

Combinando materiais

Você não precisa usar apenas o drywall para renovar sua casa, ele combina muito bem com outros materiais, como madeira, pedra, vidro, etc. Mas escolhi o vidro simplesmente porque ele é uma tendência para quem quer ampliar o ambiente. Pensar a meia parede em drywall combinado com vidro traz um ar moderno para sua casa e você ainda pode imaginar nichos e prateleiras nessa parede, um trabalho simples para o drywall e muito mais complicado para a alvenaria.

Fonte: Habitíssimo

#drywall

14 visualizações