Buscar
  • construcorreformas

Você conhece o estilo industrial?


Os novos apartamentos, cada vez menores, pedem por alternativas funcionais e elegantes na hora de serem decorados. A inspiração, ao contrário do que se imagina, pode vir de um passado não muito distante ocorrido na capital do mundo: Nova York. Foi entre os anos 1950 e 1970 que o estilo industrial chegou à decoração graças à transformação de galpões e estúdios em lares. Esses espaços amplos, repletos de tijolos e tubulações aparentes, madeira, metal e muito concreto, servem de referência para a criação da casa contemporânea, que dispensa paredes em prol de ambientes integrados e quartos cinza.

Você não precisa necessariamente ter um loft para usar essa decoração, mesmo em um apartamento, ou casa, o design industrial fica lindo! Por esse motivo a CONSTRUCOR traz para você inspirações para serem utilizadas em todos os ambientes! Aproveite essa tendência e faça a sua tranformação!

Reciclar é preciso

O estilo industrial geralmente é minimalista e você não vai precisar gastar muito em trabalho de decoração. A melhor coisa é que pode ser facilmente alcançado com pouco orçamento, pois são usadas peças reaproveitadas. O foco visual é o que importa! Quanto mais rústicas forem as portas e janelas como os móveis reutilizados, melhor. A ideia difundida é essa: reciclar para economizar, o planeta agradece! Mas existem medidas a se pensar - não é apenas deixar as paredes sem pintura e deixar tijolinhos a mostra para deixar um ar industrial. Os acessórios e móveis precisam estar em harmonia com a decoração, caso contrário vira bagunça. O bom senso fica em mesclar essas peças reutilizadas com mobiliário de design para que fique equilibrado no melhor estilo hi-low.

A mistura de tudo

Peças icônicas podem ser usadas. Os móveis estofados do tempo da vovó criam uma atmosfera mais acolhedora. A variedade de estilos e influências que se fundem para criar esta tendência de design não tem fim. A mistura de familiar e exótico, velho e novo vem pra tirar o fôlego e dar aquela graça que faltava na sua residência. Fashion mesmo é o mix de estilos. Objetos e móveis com cores vibrantes são muito usados para dar uma cara pop nesses ambientes neutros, repletos de paredes em concreto, vigas aparentes e piso rústico em cimento queimado.

Prateleiras para dividir o espaço

Um detalhe que aparece muito nessa decoração industrial são estantes ou prateleiras como divisórias dos ambientes. Em um apartamento que tem pouca ou nenhuma definição entre sala de estar, de jantar, se faz necessário de algumas divisórias, por exemplo. E as estantes atuam dessa forma, além de servir como móvel de armazenamento, é claro. Os nichos em forma de cubo estão no auge, então abuse deles. Aqui, os objetos de decoração têm estilo maiores, peças gráficas com dimensões generosas. E as paredes? Elas ganham um toque de grafite, trazendo a arte de rua para dentro de casa, tanto em quadros, como em paredes inteiras.

Aposte na criatividade

Se não há a possibilidade de quebrar o reboco da parede, para deixar os tijolos a mostra, fique tranquilo. Existem outras opções. Uma delas é recorrer a pintura com efeito de concreto, que remete a essa atmosfera de coisa inacabada. Há também revestimentos que imitam tijolos, madeira de demolição ou bem gasta. Ladrilhos antigos, luminárias em trilho ou o clássico pendente no formato de “chapéu chinês” também dão o ar de fábrica antiga. Que tal aproveitar aquele sofá de couro que já está gasto ou alguma cadeira de ferro levemente enferrujada para misturá-los com acessórios modernos? Eles são os marcos na inspiração industrial.

Fonte: Habitissimo

#estiloindustrial

22 visualizações