Buscar
  • construcorreformas

Pisos de madeira: quais tipos existem e como escolhê-los


É comum que você tenha dúvidas na hora de escolher o piso de madeira, afinal são muitas opções, muitos nomes diferentes, acabamentos diversos e ainda imitações em outros materiais. A madeira é um material nobre, que pode trazer tanto sofisticação como rusticidade, tudo dependerá do seu estilo. Mas, seja qual for o conceito que você quer aplicar em casa, uma coisa é certa: a madeira é sinônimo de aconchego. Pensando nisso, separamos algumas informações para você sobre esse piso que é tão versátil!

Para maiores informações entre em contato conosco (contato.construcor@gmail.com).

PISO DE MADEIRA DE DEMOLIÇÃO

Os pisos de demolição em geral são pisos de madeiras nobres que duram uma vida inteira. Há dois tipos de piso de demolição: o extraído de antigas construções e o que passa por um tratamento especial, que confere ao produto final uma aparência de piso antigo porém em uma madeira nova. Por serem peças raras o preço do piso de madeira de demolição pode variar muito, é preciso pesquisar bastante. Antes de comprar verifique se as peças são do mesmo tipo de madeira, se não forem pelo menos devem ter cores semelhantes.

ASSOALHO - O PISO PERFEITO

O assoalho de madeira ou piso maciço é o sonho de consumo para quem quer um piso de madeira, tem um custo maior comparado com pisos que imitam madeira, porém é mais espesso e durável. Eles podem ser instalados sobre uma estrutura de madeira, pregados ou colados no contrapiso. Geralmente vem com encaixe macho-fêmea. Uma desvantagem desse tipo de piso é que riscam mais facilmente, contudo como são de madeira maciça também permitem o lixamento e a manutenção. Os cuidados são simples, no caso de pisos com verniz basta passar um pano úmido com sabão neutro, mas se o piso não tiver verniz, será preciso limpar com o pano úmido, esperar secar e encerar o piso com cera líquida incolor.

O TRADICIONAL TACO

Muito utilizado nas décadas de 60 e 70, o piso de taco voltou com força total nos dias de hoje. Colocados um a um, tem diferentes tamanhos e padronagens e são colados sobre o contrapiso e finalizado com lixamento e aplicação de verniz. Sua instalação é um pouco mais demorada mas eles são atemporais e duradouros. Para limpar os tacos de madeira basta passar um pano úmido, quase seco, com sabão neutro, pode ser encerado, ou passar aquela querosene, lembrando que fica escorregadio.

O PARQUET

Uma placa formada por pequenas peças em madeira maciça, desenhando vários padrões diferentes que lembram muito os pisos instalados nos grandes palacetes e residências antigas. Com inúmeros gráficos possíveis, eles são colados e conforme o desenho desejado pode demorar mais ou menos a instalação. Depois de colocado o piso é lixado e envernizado. A vantagem é que dura anos e se riscar é possível lixar novamente e envernizar.

LEGNETO

Esse tipo de piso é formado por uma placa produzida por diversos tacos palitos, formando uma figura geométrica que causa uma aparência muito interessante ao piso de madeira. Devido ao seu formato, a sua instalação é muito mais rápida, assim como o taco individual, ele é colado diretamente no contrapiso e finalizado com raspagem e aplicação de verniz.

DECK DE MADEIRA

Este com certeza é o piso mais resistente do mercado, feito especialmente para áreas externas, resiste às variações climáticas e intempéries. Para evitar encanoamento, as tábuas (de comprimentos variados) são instaladas distanciadas uma das outras, assim a água pode escorrer entre elas. A instalação é feita pela fixação das tábuas sobre barrotes, o que permite ser instalado sobre outros pisos tranquilamente.

Já tem um piso de madeira e quer mudar o seu aspecto?

CLAREIE OU ESCUREÇA SEU PISO DE MADEIRA

Clarear ou escurecer seu piso de madeira é um processo simples que pode dar vida nova ao seu piso. Para escurecer, primeiro fez-se uma raspagem. Depois, a calafetação, um preenchimento dos vãos entre os tacos. Em seguida, o piso recebe uma pigmentação artificial, com tingidor à base de água, para que fosse aplicada uma resina. Sua durabilidade pode alcançar ate 8 anos e não é um processo definitivo.

TINGINDO DE BRANCO

Os processos de tingimento são similares tanto no clareamento como na pátina, primeiro o piso passa pela raspagem e pela calafetação (preenchimentos dos vincos), o tempo de secagem muda entre as técnicas e por fim, todos recebem um tratamento com resina. Para alcançar o branco total existe a opção de misturar tinta automotiva com resina e passar após a raspagem do piso, por não ser um processo comum a duração não é uma garantia e a manutenção é trabalhosa, feita com cera lubrificante que precisa uma vez que a cada seis meses ser retirada com removedor e aplicada novamente.

E COMO CUIDAR DO SEU PISO DE MADEIRA?

A manutenção diária do seu piso é muito simples, requer apenas uma vassoura de pelo macio e pano levemente umedecido. Cuide se o seu piso de madeira necessita de cera, uma vez que haja aplicação de resina e dependendo do tipo de resina, o produto pode até danificar a madeira. Evite o excesso de sol direto, que faz trincar a massa de rejunte e às vezes danifica o piso.

DÁ PARA RECUPERAR SEU PISO DE MADEIRA?

É possível recuperar o seu piso de madeira e deixá-lo novinho em folha, basta contratar uma empresa especializada nesse tipo de serviço que consiste em lixar toda superfície do piso, limpar e aplicar a seladora. O acabamento final pode ser vários: verniz, resina, stain. Caso tenha tábuas ou tacos soltos, eles precisam antes de tudo serem fixados novamente ou substituídos.

E não se esqueça: para um bom resultado na sua escolha, seja a colocação de um piso novo ou a restauração de um antigo, a contratação de mão de obra especializada é muito importante.

Fonte: Habitissimo

#pisodemadeira

4 visualizações